7 dicas de segurança para condomínio! 

Tempo de leitura: 3 min

Sem dúvida o fator segurança para o condomínio é uma das primeiras preocupações para moradores e administradores deste tipo de propriedade. Esta pauta nunca foi assunto tão sério quanto nos dias de hoje. Quando se fala em segurança para condomínio a responsabilidade de cada condômino é ainda maior, pois eventuais falhas podem expor de dezenas ou centenas de pessoas à riscos. Por isto, separamos 7 dicas incríveis e que podem ser aplicadas em ambientes de qualquer porte.

1 – Sistema de CFTV (Circuito fechado de TV)

A ideia deste sistema é fazer o monitoramento de todo o perímetro do condomínio a partir de câmeras de segurança. Este formato permite vigilância 24 horas, e pode ser uma forma eficaz para inibir invasores.

2 – Acesso de terceiros

Atenção à entrada de prestadores de serviço, corretores, entregadores, entre outros. Durante a execução de um serviço por empresas terceirizadas, como de limpeza, jardinagem, manutenção, é ideal que um funcionário do condomínio acompanhe de perto os prestadores de serviço.

Quanto aos corretores de imóveis, o acesso deles só deve ser liberado mediante a autorização prévia do proprietário do apartamento.

Evite permitir a entrada de entregadores de flores, pizzas, presentes e outros objetos no apartamento. O ideal é que o morador seja chamado até a portaria para recebê-los.

Nos casos, em que o acesso de terceiro realmente precisa ser feito, o melhor caminho é adotar o cadastramento de pessoal, evitando qualquer surpresa.

3 – Segurança comunitária

Troque informações com os vizinhos sobre a segurança da região, e combine um sinal em caso de perigo.

4 – Sistemas de alarme e cerca

Cercas elétricas, sensores para segurança perimetral e sistemas de alarme com monitoramento 24 horas podem servir como inibidores ou complicadores da atuação de invasores.

5 – Checkup das instalações

Sempre que houver reformas e pinturas no prédio, ou até mesmo após tempestades, é fundamental chamar um profissional para revisar a resistência do aterramento dos sistemas de alarme e cercas elétricas.

6 – Botão de emergência

Implementação de botões de pânico em pontos estratégicos, que permitam o acionamento da central de monitoramento em caso de emergências.

7 – Controle de acesso

Para garantir a segurança do condomínio, o controle de acesso é fundamental. Existem diversas formas para realizar este controle como, biometria, senhas, catracas, cancelas, reconhecimento facial, aproximação, MiFare, entre outros.

É importante contar com soluções tecnológicas e processos que garantem que o empreendimento esteja protegido contra a ação de invasores e ao mesmo tempo oferece comodidade aos condôminos.

Já existem soluções de controle de acesso por aplicativos, que oferecem uma série de vantagens. Permitem liberar entradas e saídas, consultar histórico de acessos, cadastrar e agendar visitantes, e reservar espaços como sala de reuniões, salão de festas, quadras esportivas, entre outros.

Além disto, há redução de filas para liberação de entrada, acesso de visitantes por meio de convites personalizados e possibilidade de criar vários níveis de permissão de entrada ao condomínio.

Como você viu, para melhorar a segurança, algumas estratégias são fundamentais. As sete dicas de segurança para condomínio, que mencionamos acima podem lhe ajudar muito. Além disso, são adaptáveis para empreendimentos de qualquer tamanho.

Concluindo, a conscientização de todos os envolvidos é imprescindível. Desta forma as soluções tecnológicas, como o controle de acesso, funcionam com mais eficiência e complicam a atuação de invasores.

2 Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.