Métricas e indicadores: porque o RH deve estar atento?

Tempo de leitura: 5 min

Para alcançar resultados mais eficazes e otimizar os custos, as empresas estão aderindo cada vez mais às métricas e indicadores. Os dados e as estatísticas são ferramentas auxiliares na avaliação de desempenho de muitos aspectos da empresa, principalmente de seus colaboradores.

Desse modo, apesar dos indicadores serem importantes em todos os setores da empresa, é o RH que acaba utilizando-os de forma mais assertiva. Isso porque cabe aos recursos humanos fazer a avaliação do rendimento dos funcionários e, posteriormente, repassar aos gestores.

Portanto, com estes dados é possível melhorar os processos da empresa e evitar o desperdício de recursos, sejam eles financeiros ou humanos. Sendo assim, vamos abordar aqui no Blog Secullum nos tópicos a seguir qual a importância de o RH ficar atento às métricas e indicadores.

O que são indicadores e métricas de RH

Para utilizar as métricas e indicadores no RH, é necessário entender mais sobre o conceito e forma de aplicação.

Desse modo, é possível afirmar que indicadores e métricas são dados complementares e diferentes. Enquanto as métricas mostram valores totais dentro de um período, os indicadores fazem a conjugação dos dados com a projeção inicial da empresa.

Entretanto, ambos os dados são fundamentais na identificação de problemas na empresa. Dentre as principais falhas identificadas, podemos destacar a queda de rendimento dos colaboradores bem como a assiduidade.

Mas além das falhas, os indicadores também podem indicar em quais setores o negócio precisa de investimentos. Em um departamento onde todos estão cumprindo as exigências, os colaboradores apresentam baixo índice de turnover, mas ainda assim não alcança as metas, pode indicar falha no modelo implementado.

No entanto, vale ressaltar que as estatísticas são apenas uma parte do processo de avaliação da empresa. Para interpretar os indicadores da melhor forma é preciso ter metas e objetivos traçados, com base num plano de crescimento a médio e longo prazo.

Tipos de métricas e indicadores disponíveis para o RH

Entendendo melhor sobre o tema, agora é possível avançar sobre os diferentes tipos de métricas e estatísticas disponíveis para o RH.

Portanto, as métricas individuais são relacionadas ao desempenho do profissional na empresa, podendo mostrar possíveis fragilidades de gestão. O absenteísmo, por exemplo, indica que há um volume excessivo de faltas num determinado período.

Entretanto, há indicadores que evidenciam falhas no planejamento da empresa, como no caso dos turnovers. Quando a equipe sofre com rotações de profissionais, os principais motivos são falha na contratação ou falta de um projeto mais sólido.

Sendo assim, vale a pena conferir cada tipo de métrica e indicador e observar quais têm o poder de melhorar o desempenho da empresa:

Absenteísmo

Um dos dados iniciais mais importantes sobre o quadro funcional é a frequência de trabalho. Como foi mencionado nos itens anteriores, é preciso racionalizar os recursos para obter os melhores resultados.

Portanto, quando um colaborador falta ao dia de trabalho, provavelmente o setor não terá o mesmo desempenho. Desse modo, uma alternativa para conter esse tipo de problema é avaliar as métricas e indicadores de absenteísmo dos profissionais.

Para além de avaliar o número de faltas de cada colaborador, é preciso entender o que motiva a ausência. Em muitos casos a solução pode ser simples, como a remodelação da jornada de trabalho ou alguns dias de afastamento, para que os problemas extra profissionais sejam resolvidos.

No entanto, quando o absenteísmo é identificado como um problema coletivo, é preciso que a empresa tome atitudes no sentido de conter as ausências. Reformulara a equipe de trabalho, oferecer bonificações por assiduidade ou resolver os problemas que causam as ausências são alternativas interessantes.

Turnover

Encontrar profissionais qualificados para integrar o quadro funcional da empresa requer um longo processo seletivo. Dentre as etapas de avaliação, o gestor deve considerar itens como a experiência no mercado, domínio do assunto, formação acadêmica, dentre outros.

Tendo em vista todo esse processo, é interessante que a empresa retenha o profissional pelo maior tempo possível. O turnover, portanto, é o indicador que aponta a rotatividade dos colaboradores, período em que permanecem no cargo, tempo médio dos funcionários na empresa, entre outros aspectos.

A partir destas métricas e indicadores é necessário encontrar os motivos para essa rotação da equipe e, consequentemente, executar ações para sanar o problema.

Headcount

A expansão da empresa dentro do mercado costuma exigir, entre outras coisas, o aumento do quadro funcional. Desse modo, um dos indicadores fundamentais é o Headcount.

Este dado mostra a evolução do número de funcionários que fazem parte da empresa nos últimos anos, indicando se houve crescimento ou redução. Sendo assim, a diminuição pode demonstrar que uma das deficiências da empresa é a falta de mão-de-obra.

No entanto, quando o Headcount indica o aumento de funcionários na empresa, isso significa que há maior demanda de produção. Porém, para confirmar essa avaliação, é necessário verificar se a expansão do negócio compensou a contratação dos novos funcionários.

Treinamento e Desenvolvimento

Com estas métricas e indicadores iniciais, agora o momento é de conjugar os dados com ações práticas. Sendo assim, treinos e cursos de qualificação são alternativas para otimizar o rendimento dos colaboradores.

É bastante comum que funcionários desempenhem tarefas que não tenham formação para tal, apesar de ter prática na execução. Dessa forma, treinamentos permitem que o colaborador aumente seu desempenho e ofereça um retorno técnico no seu cargo.

Além de contribuir para o conhecimento, os programas de desenvolvimento são essenciais na criação de novos líderes de equipe. Uma vez que aquele funcionário domina a sua função e contribui para o crescimento dos colegas, ele adquire notoriedade e respeito junto a equipe.

Benefícios do uso de métricas e indicadores nos RH

Estas informações relacionadas às métricas e indicadores trazem diversos benefícios para a empresa. De acordo com a evolução dos resultados internos e o desempenho da empresa no mercado, estes dados podem ser decisivos para ajustar as estratégias.

No entanto, é preciso escolher quais informações são mais importantes. A escolha deve levar em conta os objetivos e modelos de negócio.

Em uma empresa que realiza prestação de serviços e faz a contratação de profissionais autônomos, a métrica de turnover não é tão importante quanto o headcount, por exemplo. Por isso o entendimento sobre a atuação da empresa é necessária para escolher as métricas mais importantes.

De todo modo, as métricas e indicadores são fundamentais na construção de um projeto sólido, que almeja crescer dentro do segmento empresarial. Portanto, confira alguns dos benefícios de utilizar estas informações:

  • Acompanhamento do desempenho da empresa;
  • Planejamento de estratégias para melhorar a gestão;
  • Identificar problemas no quadro funcional;
  • Embasamento para tomar medidas e direcionar recursos.

Como acessar indicadores no Secullum Ponto Web

Coletar todos estes dados certamente não é uma tarefa fácil. Controlar as métricas e indicadores periodicamente exige planejamento estratégico da equipe de RH.

No entanto, existem ferramentas que auxiliam nessa tarefa e oferece os dados de forma prática. Esse é o caso do Secullum Ponto Web. O software de registro de ponto armazena diversas informações sobre os colaboradores, desde o horário de entrada até o lançamento de justificativa e atestados.

Além de obter estes dados, a ferramenta ainda disponibiliza os relatórios em tempo real. Sendo assim, tanto o RH, como os gestores e os trabalhadores têm acesso aos dados através do site Secullum Ponto Web.

Na plataforma a empresa tem controle das métricas e indicadores, podendo ainda ajustar as escalas de horários e jornadas de trabalho.

Share

19 Comments

  1. Sheryl Chicas Reply

    Have you ever heard of second life (sl for short). It is essentially a video game where you can do anything you want. sl is literally my second life (pun intended lol). If you would like to see more you can see these sl articles and blogs

  2. Venita Flemmons Reply

    Have you ever heard of second life (sl for short). It is basically a game where you can do anything you want. sl is literally my second life (pun intended lol). If you would like to see more you can see these Second Life articles and blogs

  3. Dannielle Puma Reply

    Have you ever heard of second life (sl for short). It is basically a online game where you can do anything you want. SL is literally my second life (pun intended lol). If you would like to see more you can see these sl articles and blogs

  4. Delmy Bellavance Reply

    Have you ever heard of second life (sl for short). It is basically a video game where you can do anything you want. Second life is literally my second life (pun intended lol). If you want to see more you can see these Second Life authors and blogs

  5. Joelle Panagoulias Reply

    Have you ever heard of second life (sl for short). It is basically a game where you can do anything you want. SL is literally my second life (pun intended lol). If you would like to see more you can see these second life websites and blogs

  6. Tempie Gleaton Reply

    Have you ever heard of second life (sl for short). It is essentially a game where you can do anything you want. SL is literally my second life (pun intended lol). If you would like to see more you can see these Second Life websites and blogs

  7. Alpha Eyestone Reply

    Have you ever heard of second life (sl for short). It is essentially a online game where you can do anything you want. sl is literally my second life (pun intended lol). If you would like to see more you can see these Second Life websites and blogs

  8. Lovetta Struck Reply

    Have you ever heard of second life (sl for short). It is essentially a video game where you can do anything you want. SL is literally my second life (pun intended lol). If you want to see more you can see these second life articles and blogs

  9. Lynwood Odonald Reply

    Have you ever heard of second life (sl for short). It is essentially a video game where you can do anything you want. Second life is literally my second life (pun intended lol). If you want to see more you can see these sl authors and blogs

  10. Reynaldo Dicey Reply

    Have you ever heard of second life (sl for short). It is basically a online game where you can do anything you want. sl is literally my second life (pun intended lol). If you would like to see more you can see these second life websites and blogs

  11. Fred Lipinsky Reply

    Have you ever heard of second life (sl for short). It is essentially a video game where you can do anything you want. Second life is literally my second life (pun intended lol). If you want to see more you can see these sl authors and blogs

  12. Barton Woodruff Reply

    Have you ever heard of second life (sl for short). It is basically a video game where you can do anything you want. SL is literally my second life (pun intended lol). If you want to see more you can see these Second Life websites and blogs

  13. Merrill Naval Reply

    Have you ever heard of second life (sl for short). It is basically a video game where you can do anything you want. sl is literally my second life (pun intended lol). If you want to see more you can see these Second Life websites and blogs

  14. Gregg Mccrea Reply

    Have you ever heard of second life (sl for short). It is essentially a online game where you can do anything you want. SL is literally my second life (pun intended lol). If you would like to see more you can see these second life articles and blogs

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *