Treinamentos Corporativos: peça-chave para o RH

Tempo de leitura: 3 min

Em tempos  de quarentena , muitas empresas se viram obrigadas a adotar o sistema home office e acabaram suspendendo eventos e adaptando totalmente o cronograma de atividades antes, comuns da empresa. Foram prorrogadas feiras, eventos, festas, reuniões presenciais entre diversas outras situações. Nesta leitura você verá os Treinamentos Corporativos, como peça chave para o RH.

Quando analisado de perto, o modelo de trabalho já estava cada vez mais perto da tecnologia como primordial nas empresas. A Pandemia foi apenas um fator para acelerar esse processo de transição. Mesmo enfrentando grandes desafios, não podemos descartar os benefícios dessa mudança. A redução de custos é um dos fatores que mais favoreceu a sustentação e permanência de algumas empresas no mercado. Ainda neste contexto, quem recebeu o maior impacto da transformação digital foram os setores de gestão de pessoas.

Um exemplo foi retratado em um estudo do LinkedIn, que apresentou 80% dos profissionais de RH, como crentes nas habilidades comportamentais como sendo fatores importantes para que as empresas alcancem o sucesso. É uma pena que a maioria dessas empresas só buscou se inteirar de recursos tecnológicos por se verem forçados a adaptação. Neste momento muitos recursos valiosos podem ser usados em prol de manter ativas suas operações. Treinamentos corporativos, cursos, ferramentas de engajamento, e muitas outras que auxiliam tanto na relação funcionário e gestores, como para aproximar equipes e clientes.

Aqui vamos explicar tudo que você precisa saber sobre o assunto.

Como os Treinamento Corporativo podem se tornar peças chave nas práticas de gestão?

É transparente o valor da realização dos treinamentos corporativos para o aperfeiçoamento técnico e humano dos colaboradores. Ao melhorar as habilidades individuais de cada colaborador e consequentemente da equipe, todos saem ganhando em relacionamento interpessoal, gerenciamento de equipes e delegação de tarefas.

A regulamentação dos treinamentos também é um forte ponto a ser levado em consideração pelos gestores de RH, para filtrar qual melhor modelo se adéqua a sua estrutura de empresa, ou ainda ao fluxo de serviço da mesma. Existem empresas que preferem manter treinamentos regularmente, aumentando o nível de conteúdo e integração (inteiração), enquanto que outras fazem eventualmente.

Ambas as situações proporcionam efeitos positivos. Na primeira conseguimos identificar a motivação de proporcionar o avanço contínuo da equipe, conforme se intensificam os conteúdos e práticas. Nesse caso o Networking é uma prática bastante usada (ampliando a rede de contatos e aprendizados). Enquanto que na segunda ocasião, o funcionário se inteira do essencial para o seu aprimoramento e cabe ao responsável pelo RH medir o tempo e a necessidade da equipe de receber o treinamento.

Treinamentos Corporativos: peça chave para o RH

 Quais são os benefícios do Treinamento Corporativo ?

Podemos medir os benefícios do treinamento através do teor qualitativo dos seus resultados, se sobressaindo diante dos quantitativos. Por exemplo, você contará com o aumento significativo da produtividade de sua equipe, mais importante ainda na modalidade home office. Uma vez que, com aprimoramento, seus funcionários conseguem solucionar dúvidas frequentes, otimizar procedimentos e estarão cada vez mais preparados para lidar com as atividades competentes aos seus encargos.

Em segundo lugar está a atmosfera de autoconfiança que é lançada sobre a equipe. A segurança proporcionada pelo treinamento garante um forte senso de certeza sobre a realização dos próprios encargos. E colaboradores motivados, tem suas chances de assertividade redobradas. Além do aprendizado de novos recursos para a evolução no ambiente profissional que o funcionário está inserido, como também na carreira/currículo profissional.

Outro benefício valiosos para a empresa, propiciado pelos treinamentos corporativos é a sensação de pertencer a algo (aqui podemos considerar empenho da empresa em crescer/ visualizar futuro) significante. Esse sentimento mantém  um padrão de engajamento, perante as atividades realizadas.

Por último mas nunca menos importante, observamos a vantagem competitiva que uma equipe qualificada apresenta sobre aquelas que não proporcionam nenhuma base de desenvolvimento para seus funcionários. Cabe ao colaborador aproveitar o potencial dos treinamentos. Hoje em dia, as empresas vislumbram o encontro de pessoas pré-dispostas a aprender e abraçar oportunidades de crescimento. Lembrando que Isso serve para qualquer área de atuação.

Treinamentos Corporativos: peça chave para o RH

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *